sexta-feira, 9 de outubro de 2009

Comunicação... via bilhetinho!

Pois é... quando as coisas vão de mal a pior e você simplesmente não consegue mais olhar na cara da pessoa que mora com você, a primeira coisa que você pensa: vou escrever um bilhetinho!
Pensa comigo: Já que a pessoa não escuta o que a gente fala... vamos ver se ela lê o que a gente escreve! rs

O bom do bilhetinho...
É que a gente fica sem medo, dó e nem piedade de dizer as coisas.
A gente fala mesmo. Fala tudo. E mais um pouco.
Não tem aquela adrenalina do "ao vivo", sabe? E a gente tem mais tempo para pensar no que dizer também.

O problema do bilhetinho...
É que ele está/é sujeito à interpretações e às variações de humor da pessoa que o lê.
Às vezes a gente quer dizer uma coisa, mas somos mal interpretados...
Aí você pensa "Culpa do bilhetinho!" e eu digo: Não exatamente.
Na verdade, a culpa é nossa mesmo porque, por mais chato que seja ter que ter certas conversas... elas (infelizmente ou não) são necessárias.

Acreditem: Isso já aconteceu comigo, e eu "tive" que dormir na casa de uns amogos meus devido ao extremo da situação com a pessoa que morava comigo...
E foi assim que eu fui morar no pensionato.

34 comentários:

torradastostadas disse...

essas situações são chatas mesmo. as vezes 'ao vivo' a gente não consegue falar tudo que tem vontade, e no bilhetinho, fica até mais fácil. mas tem seus perigos, como vc mesma disse.

Cão Pelado disse...

O mal do bilhetinho é q mtas vezes é carregada de frieza...a pessoa q lê na maioria das vezes não interpreta direito o q queremos e isso dá margens a + confusões...

Passa lá e comenta tb:
http://caopelado.blogspot.com/

morethanwords3 disse...

Ixiii.. acho que sendo bom ou não, eu to precisando me comunicar por bilhetes com certas pessoas!

É incrivel como o homem eh uma raça que consegue ter dificuldades de conviver com a propria espécie..

Ah, quanta tolice, quanta humanidade!

Sucessoo!

Sinaldo"Luna.. disse...

interpretação é algo complicado...

Parabéns pelo blog

http://www.sinaldoluna.blogspot.com/

FabioZen disse...

Conviver é a maior de todas as artes!

Gabriel Poeys disse...

Bilhete:
"CUIDADO COM A ÁGUA!!!"
(Usado pra pessoas que gastam muita água e tal)
Interpretação:
Por quê, ela morde???

Marcos Lima disse...

A gente sempre faz planos de morar junto com os amigos e tal. Mas só vivendo e convivendo pra saber os maus bocados pelos quais vamos passar de verdade.

Você, mais do que ninguém, deve saber do que eu tô falando. Não é verdade?

Beijos, Tute
http://senhor-do-tempo.blogspot.com/

•Tнαyєททє Rσdrigυês disse...

Éh. VIVER CON outras pessoas, é realmente um problema. Agora imagina vc CONVIVER com ela desntro de um metro quadrado, a maior parte do seu dia, ter que olhar pra ela todo dia, estando bem ou não. DIFÍCIL.
Parabéns, corajosa rs
Gostei do Blog. Parabens!
Passa no meu?

-SE GOSTAR, SEGUE AÊ!

http://umpoucoodtudo.blogspot.com/

ULTIMO POST : ALMAS GEMEAS.

E desde já.. Volte sempre!

Janaina Moraes disse...

Tute, sobre o comentário que vc deixou no meu blog a respeito do livro O ladrão de arte.
Ele não tem nada a ver com Dan Brown.
Nada mesmo, assim como não é nada comercial.
Ele é um livro que mistura a literatura com arte, não é um caçador de pipas que virou bestseller.
Acho que seria bom vc dar uma pesquisada e não olhar com olhos tão maldosos para o livro, ele é perfeito.
Vale a pena ler.

carol sakurá disse...

Oi Tute!
As palavras tocam mais fundo onde queremos.
Inacreditável o poder que elas tem!
Mas as interpretações são um drama.
Você é uma guerreira de conseguir viver em pensionato e certamente isso trará muita experiência e "Bençãos"(tomara né?) em sua vida.
Beijo linda!
Ótimo feriado!

Bia Galvão disse...

Tute querida , ainda bem que assisti Menina de Ouro em casa, eu simplesmente chorei muito. (Infelizmente mais por viver na pele uma situação parecida, não as causas, mais estar vegetando na cama. Minha mãe ainda está viva, mais numa situação desumana...enfim um filme muito marcante. Bjsss
Adorei o post.
Mais um contra o bilhetinho: Se não for o namorado ou marido. É um bom treinamento... pq aí vc vai ter q conversar...rsrsrrss

ChicCult disse...

hahhaa! Tute, amiga, bilhetinho é UÓ!

Acho que certos problemas devem ser encarados de frente e acabou. O melhor a fazer é resolver, sentar e conversar antes que piore.

Porque bilhetinho, vou te contar, só enlameia mais! Como você disse: a interpretação é de quem lê, não de quem escreve.

LADY DARK ANGEL disse...

KKKKKKKKKKKKK
ACHEI MUITO ENGRAÇADO A PARTE DEPENDO DO HUMOR D QM INTERPRETAR
NOSSA VC FEZ TERAPIA,MAS Q BOM Q VC JA ESTÁ CURADA,EU ADORARIA FAZER TERAPIA,MAS OS PSICOLOGOS SÃO MUITO CAROS RSRSRS
BJOSSSSSSSSSS

Lacobos disse...

"Malditos bilhetinhos" é o que eu penso quando estou como prof na sala de aula, mas fora da função eles realmente podem fazer um dia valer a pena e uma opinião ser lida (que nunca seria ouvida rs)

Obs'.: Valeu por passar no meu blog
Obs''.: Curti teu blog, ficarei nas seguidas de posts seguintes

Uahct!
http://dadonanet.blogspot.com/

Quero uma vida clichê :) disse...

"O problema do bilhetinho...
É que ele está/é sujeito à interpretações e às variações de humor da pessoa que o lê.
Às vezes a gente quer dizer uma coisa, mas somos mal interpretados..."

Acho que isso não é culpa só do bilhete: boa parte das pessoas leem menos hoje em dia! Certamente elas ficam ou com um poder de superinterpretação ou sem interpretação alguma! XDDD Não sei o que é o pior!

Particularmente prefiro escutar conversar - ao vivo - mesmo. Ou mandar pra aquele lugar se o dito cujo não quiser me ouvir!

;********

Vick disse...

HSUIEHAHUIE'
gsotei muiito do texto.
Ainda bem que nunca passei por isso de bilheitinhos.
Mas acho que o bom mesmo é o falar cara-a-cara,doa a quem doer.
'-'
Amei seu blog!
Beijos:**

MR disse...

Quase todos, se não todos, problemas devem ser encarados de frente, como disse tua amiga, ou uma dia... acabou. O melhor a fazer é resolver, sentar e conversar antes que piore.

É preciso coragem para dizer e para ouvir, pois pode vir coisa que não queremos ouvir e que é verdade.

Esther cyrraia disse...

Olá! adorei seu blog e vou segui-lo! gostei da temática, lembro minha vida escolar passada em colégios internos até os 17 anos quando fui para pensionato na época da faculdade! meu Deus! história é o que não falta!
mas é o melhor de tudo é que: SIM! isso vai acabar! SIM! depois vc poderá ter a graça de morar só e arrumar tudo do seu jeitinho sempre! rsrs

Reyel disse...

Coisa semelhante tbm é se explicar por e-mail com uma amiga virtual. Não dá mesmo. É uma avalanche só.

Bênçãos!

Babi disse...

Realmente, tem certas coisas que somos obrigados a dizer, mesmo sabendo que vai nos fazer mal e fazer mal ao próximo :\ Já passei VÁRIAS vezes por isso. Mas o jeito é dizer mesmo.

Rosangela disse...

Complicado, aqui nem rola, ja mandei bilhete, cartas, e-mails, ja deixei o Word aberto com letras garrafás e não adianta ele assim como não me ouve tbm não me lê. Agora o que faço é deixar rolar, quando não der mais tchau e bença!

WiLL disse...

éé é complicado
legal seu blog

www.ramelaum.com

Renata disse...

Bilhetinho é algo meio frio, mas as vezes é a solução...Mas é um modo de se esconder e não falar pessoalmente o que se tem vontade.
Parabéns pelo texto

Rayssa disse...

Oieee, ai sempreee faço issso quando aparece bolhaa, só que o foda são elas em si.
Alem de incomodar são feiaas
AUShiah suiahs
Nossa eu sou meio estorada, não teria como deixar bilhete, acho que nem sobraria nada pra escrever nele
AUShiauhs
Beijos

Lílian santana disse...

Oieee!obrigada pela visita volte sempre!

rsrrs é quando a comunicação não ta dando certo o q sobra mesmo são bilhetinhoss!q podem ficar colados em vários cantos pela casa tudo estratégicamente rsrrs
bjússss
t seguindo

Não Somos Apenas Rostinhos Bonitos disse...

Bilhetinhos tem o seu valor...rs!
Beijocas nossas,

ғ0rgəт▬mə▬n0t, disse...

É, realmente...bilhetinho é superútil. Minha irmã mora com o noivo, mas vive deixando bilhetinho pros aps de cima...
Sem contar as vezes/situs q ela deixou bilhete pro próprio noivo. hihihi
Gostei daq. Vc escreve beeem!
Parabéns!

Beijos, Gabi

Potencia feminina disse...

ah, gostei do seu post.. Sbe, meu amigo tem razão.. qm não vive, não tem historia.. e se vc tem as suas, é pke vc vive pra poder conta-las.. sorte.. xD beijunda

Blog Ten disse...

Bom postw!

chrisdark disse...

o que eu mais odeio no bilhetinho é que você pode não ver a reação da pessoa, em certas horas isso realmente serviria para pegar tal pessoa com a guarda baixa. e talvez resolver o problema de uma vez.

Agatha disse...

Bilhetinhos são realmente muitouteis. Na sala de aula é o principal meio de comunicação rs já que os professores não deixam a gente abrir a boca kk

Um beijo.

Lilith disse...

Como você mesma disse no bilhetinho a gente pode pensar em tudo o que quer dizer e sermos bem francas...mas tem horas que nada substitui uma conversa olho no olho...bjus.

Rosy disse...

rsr realmente o bilhetinho pode tornar-se desagradável. Nada melhor que uma boa conversa a vivo rsrsr que é o terror para os homens, pq chamar pra conversar é o mesmo que descutir relação ai a coisa desanda rsrsr
Obrigada pelo comentário em meu blog linda.
Bjinhos

jovempornatureza disse...

Seu blog é super divertido!!
Adorei a forma como você consegue dar dicas de uma forma tão engraçada!!
Parabéns pelo seu alto astral!
Esse post foi o que mais gotei... A "culpa é do bilhetinho" é ótimo...
Bye!